Meditação

Perseverar e não Desanimar!

Publicado em: junho de 2017 | Categorias: Meditação, Novidades, Sem categoria

A fé da pessoa que crê em Cristo gera, em seu coração, um estilo de vida marcado pela perseverança e pelo ânimo. É muito fácil desanimar diante das adversidades da vida e render-se aos problemas. Os Evangelhos relatam a história de certa mulher que sofria de uma hemorragia por 12 longos anos. Apesar de todo sofrimento, ela tinha convicção em seu coração e cria que, se apenas tocasse nas vestes de Jesus, ela ficaria curada daquela enfermidade terrível. Aquela mulher fora movida pela fé e pela perseverança, e nem mesmo a multidão que a apertava por todos os lados, pôde impedi-la de aproximar-se de Jesus.  Ele percebeu, imediatamente, que alguém tinha lhe tocado de maneira diferente, com fé, e procurou saber quem tinha agido daquela forma. O texto diz que ela ficou trêmula e, atemorizada, caiu aos pés de Jesus, porque sabia que o milagre tinha acontecido. Ela ouviu da boca do Mestre palavras de vida e de encorajamento: “Tem bom ânimo, filha, a tua fé te salvou; vai-te em paz e fica livre do teu mal.” (Mc 5:34). Imediatamente, ela foi curada.

Essa mulher anônima, que a Bíblia nem sequer menciona seu nome, enfrentou vários problemas que poderiam tê-la desencorajado e impedido-a de chegar até Jesus. Ela sofria de uma hemorragia incurável, pois o texto bíblico afirma que ela havia consultado inúmeros médicos, gastado muito dinheiro, mas sem obter melhoras, estava cada dia pior. Podemos imaginar a fraqueza do seu corpo físico com aquela hemorragia por tantos anos, a pressão emocional que padecia, sua fragilidade, o fato de ser considerada, de acordo com a lei, impura, limitando sua vida social e religiosa. Eram muitos os obstáculos que ela tinha de transpor, inclusive a multidão que a pressionava e dificultava a sua aproximação de Jesus. Mas ela foi perseverante em buscar sua cura e venceu todas as barreiras. Seu desejo de ser curada era muito maior que todas as aparentes dificuldades. Ela perseverou e não desistiu!

Quantas pessoas desistem diante do primeiro fracasso, da primeira tentativa, do primeiro erro, da primeira crítica… A caminhada só é vitoriosa para aqueles que perseveram e não se deixam abater pelo desânimo. A história fala de homens que foram derrotados, mas que, no tempo certo, venceram, e têm muito a nos ensinar. Abraham Lincoln faliu duas vezes como empresário e foi derrotado em seis eleições estaduais e nacionais antes de ser eleito presidente dos Estados Unidos. Steve Jobs, empresário e inventor que mudou o mundo da tecnologia, aos 30 anos de idade, foi demitido da empresa que fundou. Anos mais tarde, em uma universidade americana, admitiu que ser afastado da Apple foi a melhor coisa que tinha acontecido na época. Ele conta que se sentiu liberado para entrar num dos períodos mais criativos e produtivos de sua vida, o que lhe proporcionou revolucionar a Apple e o fez trilhar todo caminho e chegar ao sucesso.

José, filho de Jacó, enfrentou os mais diferentes percalços e desafios, mesmo sendo um jovem temente a Deus. Seus irmãos odiavam-no e lhe tinham inveja: zombavam dele, planejaram matá-lo e jogaram-no num poço. Além disso, foi vendido pelos seus irmãos como escravo, levado para o Egito e vendido para Potifar, oficial de Faraó. Caluniado e injustiçado pela esposa de Potifar, foi para a prisão, onde permaneceu por vários anos. José nunca deixou de confiar em Deus e perseverou em sua fé, de tal maneira, que mais tarde veio a ser governador do Egito. Deus o honrou e ele foi o grande provedor em dias de seca e grave fome naquela ocasião.

A perseverança e a fé em Cristo devem andar de mãos dadas, pois é por meio delas que os milagres e o sobrenatural acontecem. Quando os dez espias foram ver a terra de Canaã, somente Josué e Calebe perseveraram e creram que herdariam e possuiriam a terra, pois os demais desanimaram diante das dificuldades e dos gigantes que lá habitavam. Calebe afirmou: “[…] eu, porém, perseverei em seguir o Senhor meu Deus.” (Js 14: 8b).

O grande líder pacifista Martin Luther King Jr., certa vez afirmou: “Suba o primeiro degrau com fé. Não é necessário que você veja toda a escada. Apenas dê o primeiro passo.”. Certamente, como cristão, King deve ter se inspirado em Hebreus, capítulo 11:1, que diz: “Ora, a fé é a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não veem.”, e perseverou sem desanimar em sua luta pelo fim da segregação racial entre o povo americano. Não importam as lutas e as aflições que teremos de enfrentar em nossa caminhada, pois vamos superar os obstáculos e não permitir que eles nos impeçam de alcançar nossos objetivos. Perseveremos sempre, sem nunca desanimar!

 

Rev. Osni Ferreira