Gideões da Oração

Construção da Torre de Oração

Publicado em: novembro de 2017 | Categorias: Gideões da Oração, Novidades

 

Estamos muito felizes e agradecidos a Deus pela construção da nossa Torre de Oração. Agradecidos também ao nosso amado pastor titular, Rev Osni, pela visão e pelo valor que tem dado à oração na vida da Igreja Central. Não temos dúvidas das grandes coisas que Deus fará em nosso meio e em nossa cidade, pois quando um povo ora de verdade, ninguém pode deter a ação do Espírito, e a própria Palavra nos diz: “Agindo eu, quem o impedirá” (Isaías 43:13b).

Antigamente uma torre ou fortaleza servia de proteção contra os ataques do inimigo, e desta forma, os habitantes de uma cidade se sentiam mais seguros. Há vários textos bíblicos que mencionam as cidades muradas e a torre como proteção de seus moradores, conforme lemos em Isaías 21:8 “Então gritou como um leão: Senhor, sobre a torre de vigia estou em pé continuamente durante o dia, e de guarda me ponho noites inteiras”. É interessante observar que a torre por si só, não servia como segurança se não tivesse o vigia de prontidão dia e noite. Sua presença era primordial na torre, pois ficava de “olho” o tempo todo ao redor da cidade, e a qualquer sinal de perigo de exércitos invasores, imediatamente anunciava ao  povo para que se preparasse conforme descreve o profeta Oséias capítulo 8:1 “Emboca a trombeta. Ele vem como a águia contra a casa do Senhor, porque transgrediram a minha aliança…”.

Hoje continuamos com a responsabilidade de tocar a trombeta, anunciar ao povo que se arrependam dos seus pecados e se preparem, porque o Senhor vem e não tarda, como Ele mesmo diz: “Certamente venho sem demora” (Apocalipse 22:20). Foi com esse propósito que nasceu o ministério Gideões da Oração, do qual fazemos parte com muito temor e gratidão a Deus.

Estamos vivendo dias muito difíceis, em que os inimigos de Deus, o inimigo das nossas almas, Satanás, deseja assolar as nossas vidas, destruir a família, aniquilar a Igreja de Cristo e levar tudo e todos ao caos e à verdadeira destruição. Pensando nisso, não podemos fechar os nossos olhos e ignorar os seus ardis. Mas, como guerreiros do Senhor, homens e mulheres valentes, na força do Seu poder, precisamos ser estes vigias, estes guardas que assumem a posição de vigiar contra os inimigos que têm se levantado contra nós, contra o povo de Deus, contra a nossa nação.

Eis a maior razão pela qual estamos edificando a nossa Torre de Oração! Somos as sentinelas de Deus sobre os “muros de Jerusalém”, que jamais nos calaremos; os vigias que não darão descanso ao Senhor, até que seus propósitos se cumpram sobre a terra (Isaías 62:6); até que a “noiva” de Cristo se vista com as vestes de pureza e santidade e esteja preparada para receber o Noivo, que virá em glória buscar os seus remidos para participar das bodas do Cordeiro. Aleluia! Estamos convocando você amado irmão (ã), para fazer parte deste exército de Deus, de maneira que o fogo possa arder continuamente no altar, e nunca venha a se apagar (Levítico 6:13).

Ministério Gideões da Oração

 

RGPhotography-5877 RGPhotography-5901RGPhotography-5219RGPhotography-5771