fbpx

Células

A FORÇA DOS INVISÍVEIS

Publicado em: dezembro de 2019 | Categorias: Células

Moisés venceu a guerra quando seguravam suas mãos: a história de Hur

Houve uma guerra entre o povo de Deus e os amalequitas, e para vencê-los, Moisés subiu no alto da colina e levantou suas mãos em intercessão. O texto de Êx.17:8-13 diz que enquanto Arão e Hur seguravam as mãos de Moisés levantadas Israel vencia, e quando suas mãos baixavam, os amalequitas venciam. Sabemos quem foi Arão, mas quem foi Hur, que juntamente com ele “permaneceram firmes até o pôr-do-sol” Êx.17:12.

Hur é mais um dos invisíveis que estão expandindo o Reino de Deus, sem receber nenhum reconhecimento humano por isso. Hur é:

1.Aquele que se deixa cansar pelo outro

Experimente levantar seus braços e deixá-los por uma hora erguidos. Não aguentamos nem dez minutos! Hur passou horas sustentando as mãos de Moisés erguidas, em detrimento da própria dor. O mundo pós-moderno precisa de homens como ele, capazes de doarem-se pelas suas famílias, lutarem pelo seu casamento, e se cansar pelos que ama. Nossa sociedade é formada de homens-meninos inaptos a assumirem a responsabilidade do lar. Homens que deixaram de ser o sustento de suas casas, ou quem sabe, nunca foram os sustentadores verdadeiramente.

2.Aquele que está sempre disponível

Êx.24:14 diz que Hur “auxiliou Arão, irmão de Moisés, a liderar os hebreus temporariamente”, enquanto Moisés subiu ao Monte para receber os Dez Mandamentos. Hur estava pronto para o que fosse! Não fazia para obter algum cargo ou para ser visto pela liderança. Ele tão simplesmente estava disponível. O texto diz que “temporariamente”, ou seja, quando Moisés descesse do Monte, ele voltaria para suas atividades no anonimato. Não estava cavando uma oportunidade de mostrar seu trabalho, e posteriormente ser convidado por Moisés para uma nova função. A pergunta que fica é: quais as reais motivações que nos levam a servir na igreja local? Cada um de nós devemos respondê-la!

3.Os líderes (secundários) auxiliares são tão importantes quando os (primários) titulares

“Auxiliou Arão” Êx.24:14. O que seria de Moisés se somente Arão estivesse segurando suas mãos? Talvez ele teria perdido a guerra contra os amalequitas. O estereótipo criado acerca do líder refere-se àquele que nunca se cansa, e está sempre bem. Moisés ficava com os braços cansados – ele era o líder titular – e as mãos de Hur e Arão os sustentava. Nunca despreze os pequenos, os fracos, os auxiliares, os improváveis, pois sem eles, a igreja ficaria estagnada. Foram os auxiliares de Jesus cheios do Espírito Santo que transformaram seu tempo. O cristianismo chegou até nós não apenas pelos nomes que conheçamos, mas muito mais pelos nomes que nunca ouvimos, ao qual o autor de Hebreus 11:39 disse: “O mundo não era digno deles!”.

Nunca ouvi um sermão sobre a vida de Hur, mas tenho certeza de que seu nome é lembrado no céu. Nunca vi um estudo de célula sobre ele, mas Moisés o deve por sustentar suas mãos. Seja como for, antes de sermos conhecidos na história, é melhor ser conhecido por Deus!

Hur, auxiliar de Moisés

Hur era um israelita de destaque na época da peregrinação do povo de Israel pelo deserto. Ele é mencionado de forma proeminente no episódio da batalha em Refidim. Naquela ocasião, os israelitas tinham travado uma guerra contra os saqueadores amalequitas (Êxodo 17:10,12).

Então, Hur e Arão mantiveram as mãos de Moisés levantadas até o fim do dia, enquanto Josué liderou a vitória dos israelitas sobre o exército inimigo. Naquela ocasião, quando Moisés abaixava sua mão, o povo de Amaleque castigava os israelitas. Mas quando sua mão estava levantada, o povo de Israel prevalecia.

Quando Moisés subiu ao Monte Sinai para receber os Dez Mandamentos, ele precisou se ausentar durante um tempo de entre o povo de Israel. Então Hur auxiliou Arão, irmão de Moisés, a liderar os hebreus temporariamente (Êxodo 24:14).